Portal de Notícias Administrável desenvolvido por Hotfix

PANDEMIA

Em dois dias, 1,6 mil servidores da atenção básica foram vacinados no DF


Mais de 1,6 mil profissionais que trabalham na atenção primária da Saúde do Distrito Federal receberam a primeira dose da CoronaVac, contra a covid-19. Nesta quarta-feira (20/1), as equipes vacinaram 55 servidores da região Leste — que engloba Itapoã, Jardim Botânico, Lago Sul, Paranoá e São Sebastião.

Na região Oeste, que inclui profissionais de Brazlândia e Ceilândia, houve a imunização de 453 servidores. Os profissionais da saúde que trabalham em Águas Claras, no Recanto das Emas, em Samambaia, Taguatinga e Vicente Pires — região Sudoeste — receberam, no total, 530 doses. Na região Norte de Saúde — composta por Fercal, Planaltina, Sobradinho I e II —, 108 pessoas foram vacinadas.

Na terça-feira (19/1), funcionários da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) aplicaram 520 vacinas em trabalhadores que atuam nas unidades básicas de saúde (UBSs) do Gama e de Santa Maria. Nas regiões Central e Centro-Sul, a imunização dos trabalhadores da atenção primária ocorreu durante a tarde, mas, até a última atualização desta reportagem, não houve divulgação da quantidade de pessoas atendidas.

Plano distrital

A vacinação contra a covid-19 no Distrito Federal começou às 10h de terça-feira (19/1). A enfermeira Lidia Rodrigues Dantas, 31 anos, foi a primeira pessoa do DF a receber uma dose da CoronaVac. Ela atua no pronto-socorro do Hospital Regional da Asa Norte (Hran), hospital referência no atendimento a pacientes com a doença. 

A aplicação das vacinas ocorrerá em quatro fases, divididas entre grupos prioritários. Os primeiros a serem imunizados serão profissionais da saúde; pessoas com mais de 60 anos que estão em instituições de acolhimento ou asilos; maiores de 18 anos com alguma deficiência física que vivem nesses locais, bem como cuidadores desse grupo; e a população indígena.

Na segunda fase, a meta é vacinar todos com mais de 60 anos. A terceira parte do plano inclui pessoas com comorbidades. Professores e profissionais das forças de segurança farão parte da quarta fase do plano.

UOL

PANDEMIA

Assine o Portal!

Receba as principais notícias em primeira mão assim que elas forem postadas!

Assinar Grátis!

Assine o Portal!

Receba as principais notícias em primeira mão assim que elas forem postadas!

Assinar Grátis!